Notícias

Reforma administrativa poderá acabar com gratificações de servidores do Vapt Vupt

De ontem até hoje (07) e (08), respectivamente, representando o Sindipúblico o Diretor Administrativo, Eduardo Gonçalves, esteve presente na Assembleia Legislativa para acompanhar junto com alguns servidores o andamento do projeto que está em tramitação na casa sobre a reforma administrativa, apresentada pelo Governo do Estado de Goiás.

Se aprovada, a reforma poderá afetar servidores de diversos órgãos públicos do estado, a exemplo, os que estão lotados nas unidades padrão do Vapt Vupt, pois, com a redução de custos será cortado a gratificação de 591 servidores que trabalham no atendimento destas unidades.

O Diretor Eduardo e os servidores presentes, que não quiseram se identificar, conversaram com alguns deputados para argumentar sobre a reforma e pedir o apoio para que não sejam cortadas suas gratificações que, inclusive, fazem parte de um inciso da lei que estabelece uma série de critérios de qualidade a serem seguidos na hora do atendimento à população nas unidades padrão do Vapt Vupt.

Durante os debates, nestes dois dias, os Deputados Eduardo Prado (que elaborou emenda solicitando a retirada da parte que revoga o inciso da lei referente às unidades padrão do Vapt Vupt); Humberto Aidar (que é Presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa – CCJ); Cairo Salim e Bruno Peixoto defenderam o Vapt Vupt, demonstraram apoio a causa dos servidores e se dispuseram a levar o pleito ao governador.

Fonte: Assessoria de Comunicação



Postado em 08/05/2019 Por Ana Luíza Carvalho