O projeto de lei nº 3479/17, de iniciativa do deputado Karlos Cabral (PDT), foi aprovado em votação definitiva durante a sessão ordinária desta terça-feira, 3. Ele permite que os pais dos servidores do Estado sejam incluídos como dependentes no plano de saúde estadual Ipasgo, para também gozarem do atendimento médico e hospitalar oferecido. A matéria segue, agora, para a sanção do governador Marconi Perillo.  

Ao serem inscritos, os genitores deverão pagar mensalidade indicada em tabela, de acordo com faixa etária e padrão de acomodação. O valor será descontado automaticamente da conta do titular da matrícula.

Fonte: Assessoria de Comunicação do SINDIPÚBLICO | Ampli Comunicação